Partidos distribuem ministérios na Irlanda do Norte

Os quatro partidos majoritários da Irlanda do Norte (Ulster) distribuíram nesta segunda-feira, 2, os dez ministérios do futuro governo norte-irlandês de poder compartilhado entre católicos e protestantes.O majoritário Partido Democrático Unionista (DUP, protestantes) do reverendo Ian Paisley ficou com as pastas de Finanças, Economia, Meio Ambiente e Cultura.O Sinn Féin (católicos) de Gerry Adams - segunda formação da província e braço político do Exército Republicano Irlandês (IRA) - obteve os ministérios da Educação, Desenvolvimento Regional e Agricultura.O moderado Partido Unionista do Ulster (UUP) de Reg Empey - terceira força regional - dirigirá a pasta da Saúde e do Emprego, enquanto o Partido Social-Democrata e Trabalhista (SDLP, nacionalista) de Mark Durkan ficará com a de Desenvolvimento Social.Os líderes dos quatro partidos definiram a composição do governo norte-irlandês após uma reunião nesta segunda-feira, em Belfast, que durou cerca de 40 minutos, segundo fontes oficiais.Por enquanto, não se sabe os nomes dos futuros ministros do gabinete, que será dirigido por Paisley e o "número dois" republicano e ex-comandante do IRA Martin McGuinness.O DUP e o Sinn Féin chegaram a um acordo na segunda-feira passada considerado "histórico", que permitirá a devolução da autonomia de governo à província em 8 de maio, quase cinco anos depois de Londres o suspender devido a um falso caso de espionagem do IRA em escritórios governamentais.Os republicanos já anunciaram que seus três ministros (mais um secretário de Estado) sairão de uma lista formada por Gerry Kelly, Michelle Gildernew, Conor Murphy e Caitriona Ruane.Segundo a representação de cada partido na recém escolhida Assembléia norte-irlandesa, o DUP tinha a primeira opção para escolher as pastas e escolheu a de Finanças, o que lhe dará o controle do Orçamento do Executivo.Surpreendentemente, também ficará com o Ministério da Economia, já que o Sinn Féin optou pelo da Educação, uma pasta que McGuinness já ocupou no anterior governo de poder compartilhado entre 1999 e 2002.Por meio do titular de Cultura, o DUP também poderá decidir, por exemplo, quanto dinheiro será destinado aos programas de promoção da língua gaélica, o idioma nativo irlandês e uma das pedras angulares do programa político republicano.No entanto, o Sinn Féin terá papel decisivo na área de Agricultura e de Desenvolvimento Regional, com especial responsabilidade na reforma dos serviços de água, a bandeira de todos os partidos durante as passadas eleições autônomas.Os republicanos também buscam reforçar seus vínculos com as autoridades da República da Irlanda para, por um lado, melhorar as infra-estruturas e a economia do Ulster e, por outro, manter vivo seu objetivo histórico de unificar a ilha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.