Passageiros escapam minutos antes de avião explodir no Japão

As 157 pessoas que viajavam no Boeing 737 saíram ilesas; 4 pessoas ficaram levemente feridas

BBC Brasil,

20 de agosto de 2007 | 01h55

Um avião da companhia aérea taiwanesa China Airlines pegou fogo na manhã desta segunda-feira, minutos depois de aterrissar na ilha de Okinawa, no Japão. Todos os 157 passageiros e oito tripulantes escaparam com vida.   Veja Também  Assista às imagens da explosão (site da NHK)   O Boeing 737-800, que vinha de Taipé, capital de Taiwan, aterrissou no aeroporto de Nahara e começou a pegar fogo na pista oito minutos depois do pouso.   Os passageiros ainda estavam na aeronave quando o fogo começou no motor da turbina esquerda, fazendo com que rampas de fuga fossem acionadas. Todos conseguiram deixar a aeronave momentos antes da ocorrência de uma grande explosão.   As causas do incidente estão sendo investigadas.   De acordo com a agência de notícias japonesa Kyodo News, quatro pessoas foram levadas para o hospital com ferimentos leves.   "Tudo estava normal, da decolagem à aterrissagem, até que os pilotos descobriram que o avião estava pegando fogo", disse Johnson Sun, porta-voz da China Airlines.   Os bombeiros conseguiram controlar o incêndio uma hora depois. As chamas deixaram a aeronave partida em duas.   De acordo a correspondente da BBC em Taipé, Caroline Gluck, o acidente é um duro golpe na companhia taiwanesa, que no passado registrou um dos piores recordes de segurança entre companhias aéreas internacionais.   Vários aviões da frota da China Airlines sofreram acidentes durante os anos 90. Em 2002 uma das aeronaves caiu no mar perto da ilha de Penghu, na China, deixando 225 mortos.   BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.