Pedido de extradição de libanesa confirmado

O embaixador do Brasil no Líbano, Eduardo de Seixas, foi recebido nesta quarta-feira em Beirute pelo ministro das Relações Exteriores libanês, Fawzi Salloukh, que confirmou o pedido de extradição da libanesa presa no Brasil, Rana Koleilat. Desde a última segunda-feira, conforme revelou o Estado, o governo de Beirute já indicou ao Brasil que quer a extradição da suspeita de envolvimento na morte do ex-primeiro-ministro Rafik Hariri. Nesta quarta-feira, a embaixada do Líbano somente complementaria o pedido, encaminhando a documentação oficial ao governo brasileiro e solicitando a extradição. Para o embaixador Eduardo de Seixas, a falta de um acordo de extradição não será um obstáculo para o envio da suspeita.

Agencia Estado,

15 Março 2006 | 12h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.