Pelo menos 10 mortos em emboscada palestina em Hebron

Militantes palestinos atacaram nesta sexta-feira colonos judeus e soldados israelenses quecaminhavam em direção a um disputado local sagrado em Hebron, matando pelo menos 10 e ferindo 15, informaram militares deIsrael.Os soldados e os colonos seguiam do assentamento de Kiryat Arba, nos arredores de Hebron, até o Túmulo dos Patriarcas, um local reverenciado tanto por muçulmanos como judeus no Centro dacidade.O grupo Jihad Islâmica assumiu responsabilidade pelo ataque. Hebron esteve tranqüila nas últimas semanas, e tropas israelenses haviam se retirado da maior parte do setor controlado pelos palestinos na cidade.O ataque foi lançado depois do início do Sabá judaico. Quase todos os colonos em Hebron e muitos moradores de Kiryat Arba observam o Sabá e realizam orações noturnas no Túmulo dosPatriarcas, onde estariam enterrados Abraão, Isaac e Jacó.Um oficial do Exército, que pediu para não ser identificado, disse que os soldados e os civis foram pegos numa sofisticada emboscada. Ainda persistem trocas de tiros no local, informou.A mídia israelense divulgou que soldados, tentando proteger os civis, foram atacados por franco-atiradores palestinos posicionados numa colina no subúrbio de Abu Sneineh.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.