Akram Shahid/Reuters
Akram Shahid/Reuters

Pelo menos 18 pessoas morrem em explosão de caminhão no Paquistão

Veículo estava carregado com líquido volátil; autoridades descartam tentativa terrorista

Efe

28 de junho de 2010 | 11h17

ISLAMABAD - Pelo menos 18 pessoas morreram e 40 ficaram feridas na explosão acidental de um caminhão com produtos químicos na cidade de Hyderabad, sudeste do Paquistão, informaram nesta segunda-feira, 28, fontes policiais.

 

Um dos chefes de Polícia da localidade, Javed Alam, explicou que a explosão "acidental" se originou no contêiner do caminhão, carregado de produtos químicos, segundo a rede de televisão "Dawn".

 

O superintendente Mohammed Ali Baloch, citado pelo canal "Geo", descartou também que se tratasse de um atentado terrorista e explicou que o caminhão continha solventes e explodiu por causa da grande pressão que aconteceu em seu interior.

 

Baloch confirmou que 18 pessoas morreram e 40 ficaram feridas, nove delas em estado grave.

 

Um testemunha citada pela "Geo" relatou que o acidente aconteceu em um centro comercial de Hyderabad e que pelo menos oito estabelecimentos ficaram totalmente destruídos.

 

A região foi isolada pelas forças de segurança e os feridos foram levados para hospitais da cidade.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãoexplosão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.