Pelo menos 18 pessoas morrem no Afeganistão

Segundo Abdul Hanan Himat, ministro da Informação do Taleban, pelo menos 18 pessoas morreram e 23 ficaram feridas este domingo depois dos bombardeiros americanos, em Cabul, no Afeganistão. Entre os civis mortos estavam mulheres e crianças. Segundo Himat, várias casas foram destruídas em Khair Khana. Para o Taliban, os americanos não estão visando apenas alvos militares em seus ataques. Nos últimos três dias, na cidade de Herat, leste do Afeganistão, entre 50 e 60 pessoas morreram.

Agencia Estado,

21 Outubro 2001 | 08h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.