Pelo menos 33 morrem em explosão ao sul de Bagdá

Um carro-bomba explodiu nesta segunda-feira, no acostamento de uma estrada na região central do Iraque, na cidade xiita de Kut, matando ao menos 33 pessoas e ferindo outras 52, disse o médico do hospital de Kut Al-Zahra, Ali Hussein. Ele acrescentou que entre as vítimas estão mulheres e crianças.

Agência Estado

15 de agosto de 2011 | 04h19

Um policial disse que antes das 8h, no horário local, (2h da manhã, em Brasília), houve explosões em área movimentada no centro da cidade de Kut, que fica a 160 quilômetros de Bagdá, ao sul.

Os ataques ocorreram menos de duas semanas após os líderes iraquianos afirmarem que manteriam conversações com os EUA para que o treinamento de segurança se estendesse para além deste ano, quando os 47 mil soldados americanos deverão se retirar do país, segundo as bases do acordo assinado entre as duas nações.

A violência no Iraque regrediu após o pico observado em 2006 e 2007, mas os ataques pontuais continuam ocorrendo. Um total de 259 iraquianos foram mortos em ataques no mês passado. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueKutataquebomba33mortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.