Peña Nieto se recusa a receber Capriles

O presidente do México Enrique Peña Nieto disse nesta quarta-feira que não planeja receber Henrique Capriles, candidato derrotado nas duas últimas eleições presidenciais da Venezuela. O líder mexicano afirmou que prefere não se envolver em assuntos internos do país sul-americano.

AE, Agência Estado

19 de junho de 2013 | 18h29

"Não podemos fazer parte de um conflito interno, nem nos posicionarmos", explicou Peña Nieto durante conferência em Londres.

Capriles iniciou viagem por vários países do continente americano em busca de solidariedade e para "denunciar a situação" na Venezuela.

O opositor de Nicolás Maduro afirmou que pretende visitar Brasil, Chile, Peru e México. Ele já viajou à Colômbia. Seu encontro com o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, gerou conflitos com Maduro. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.