AP Photo/Rahmat Gul
AP Photo/Rahmat Gul

Pentágono anuncia que EUA têm 11 mil soldados no Afeganistão, quase 3 mil acima do previsto

A nova contagem, que inclui unidades temporárias, secretas e forças regulares, foi feita para estabelecer as bases para o aumento das tropas - possivelmente em cerca de 4 mil - na nova estratégia de Trump

O Estado de S.Paulo

30 Agosto 2017 | 16h45

WASHINGTON - O Pentágono aumentou consideravelmente nesta quarta-feira, 30, a estimativa do número de militares americanos que estão atualmente no Afeganistão, à frente da decisão do presidente Donald Trump de enviar milhares de soldados em sua nova estratégia para o país em guerra.

O diretor-geral do Pentágono, o tenente-general Kenneth McKenzie, afirmou que uma revisão mostrou que há aproximadamente 11 mil militares americanos no Afeganistão, em comparação à cifra de 8,4 mil soldados usada desde o ano passado.

A nova contagem, que inclui unidades temporárias, secretas e forças regulares, foi feita para estabelecer as bases para o aumento das tropas - possivelmente em cerca de 4 mil - na nova estratégia de Trump para apoiar os militares afegãos na luta contra a guerrilha Taleban. / AFP 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.