Pentágono enviou militares à Jordânia por causa da Síria

O Exército dos Estados Unidos enviou uma equipe de militares à Jordânia para ajudar a lidar com a crise na Síria, afirmou nesta quarta-feira um oficial da Defesa norte-americana.

AE, Agência Estado

10 de outubro de 2012 | 10h26

Ele disse que cerca de 100 estrategistas e outros militares ficaram na Jordânia após participarem do exercício militar conjunto anual, em maio, e outros chegaram no país desde então. Os militares operam de uma base conjunta no norte de Amã, capital jordaniana. A fonte pediu anonimato pois não tem autorização para falar sobre a missão.

O oficial ressaltou que o time não está lá para lutar, mas para fazer planos de contingência para diversos assuntos, incluindo a forma de se lidar com o fluxo de refugiados sírios e a criação de uma zona desmilitarizada para proteger a Jordânia. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
JordâniaEUASíriamilitares

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.