Pentágono gastará 10% a mais em 2014

Com a proposta de orçamento enviada pela Casa Branca ao Congresso, o Pentágono conseguiu aliviar cortes previstos. Para 2014, o Departamento de Defesa dos EUA terá acesso a US$ 526,6 bilhões em recursos federais, valor 10% maior do que o deste ano. Em dez anos, em vez de ceifar US$ 500 bilhões, deverá cortar US$ 350 bilhões.

O Estado de S.Paulo

12 de abril de 2013 | 02h08

Ainda assim, o ajuste previsto para a próxima década imporá o fechamento de bases militares nos EUA e um reajuste menor de salários - de 1,0%, em vez de 1,8% neste ano. Militares e funcionários civis do pentágono serão obrigados a aumentar a parcela paga por seus planos de saúde. / D.C.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.