Pentágono reforça segurança em bases militares

O Departamento de Defesa (Pentágono) dos Estados Unidos elevou nesta quarta-feira o nível de segurança nas bases militares norte-americanas por conta da aproximação do décimo aniversário dos atentados de 11 de Setembro.

Agência Estado

07 Setembro 2011 | 16h42

Segundo a Casa Branca, porém, não há até o momento nenhuma ameaça específica ou digna de crédito de ação extremista ligada aos 10 anos dos atentados, mas os organismos de segurança continuariam atentos nos dias que antecedem o aniversário dos ataques e também depois.

Na terça-feira, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, convocou para uma reunião na Casa Branca funcionários de alto escalão de sua equipe de segurança interna para averiguar se todas as medidas e precauções necessárias estão sendo tomadas, disse Jay Carney, porta-voz do governo.

George Little, porta-voz do Pentágono, disse que o reforço na segurança nas bases militares também não tem a ver com nenhuma ameaça específica, mas com o fato de extremistas terem promovido ações em aniversários de atentados em outras ocasiões. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
EUA 11 de Setembro segurança

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.