Pequim e Pyongyang assinam acordo de cooperação

Os governos da China e da Coréia do Norte assinaram um acordo de cooperação no Rio Yalu, que demarca o lado oeste da fronteira entre os dois países, informou a agência oficial de notícias chinesa Xinhua.O acordo, assinado na cidade de Changchun, nordeste da China, perto da Coréia do Norte, servirá, segundo a nota oficial, para "facilitar o transporte e a proteção ambiental" do rio. O Yalu é uma das vias usadas por refugiados norte-coreanos para sair do país rumo ao nordeste da China, onde vivem em pequenas comunidades de etnia, língua e costumes coreanos.Cerca de 300 mil refugiados norte-coreanos vivem na China, segundo estimativas extra-oficiais. Eles permanecem na clandestinidade, pois Pequim assumiu um compromisso com Pyongyang de deter e repatriar os foragidos.As duas partes se comprometeram a colaborar na vigilância e manutenção da fronteira, além de trabalhos conjuntos de dragagem do leito do rio. Também vão aumentar as inspeções dos navios de carga que cruzam o rio, para combater o contrabando e a emigração ilegal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.