Pequim nega ter cometido ciberataques

O governo chinês rejeitou ontem as acusações de que realizou ciberataques para roubar segredos militares e comerciais dos Estados Unidos, após as novas acusações feitas esta semana. "A China é contra qualquer tipo de ciberataque e também tem sido vítima de hackers", disse o vice-chanceler Zheng Zeguang. A declaração foi feita durante uma entrevista coletiva sobre o encontro entre o presidente chinês, Xi Jinping, com seu colega americano, Barack Obama, na próxima semana.

O Estado de S.Paulo

30 Maio 2013 | 02h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.