Peru: García atrai votos de Flores e de fujimoristas

O ex-presidente Alan García atraiu o voto dos que apoiaram, no primeiro turno, a conservadora Lourdes Flores e a candidata do partido do ex-governante Alberto Fujimori, segundo a mais recente pesquisa publicada sobre o segundo turno presidencial no Peru, em 4 de junho.O candidato do Partido Aprista Peruano tem 61% das intenções de voto, enquanto seu rival Ollanta Humala, fica com 38,6%, de acordo com a enquete da Companhia Peruana de Pesquisa de Mercados.O estudo, divulgado nesta terça-feira, diz que García atraiu o voto de 54,8% dos eleitores que votaram em Flores no primeiro turno, assim como de 46,9% dos que votaram em Martha Chávez, do partido fujimorista Aliança para o Futuro.Além disso, o ex-presidente aprista (1985-90) obteve o apoio de 40,5% dos que votaram no ex-presidente de transição Valentín Paniagua (2000-01), um dos primeiros políticos com os quais se reuniu após o primeiro turno presidencial.A pesquisa acrescentou que 13,7% de eleitores pretendem votar nulo, enquanto 10% ainda permanecem indecisos em relação ao segundo turno, que será realizado em 4 de junho.A enquete, conduzida entre os dias 2 e 7 deste mês, tem um nível de confiança de 95,5% e uma margem de erro de 2,36%. De acordo com os resultados de diversas pesquisas de opinião realizadas nos últimos dias, é possível concluir que García concentra o voto dos setores socioeconômicos mais altos, enquanto o candidato nacionalista Humala tem o apoio majoritário da população menos favorecida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.