Pesquisa boca-de-urna aponta vitória de Tipzi em Israel

As pesquisas de boca-de-urna indicam que a ministra do Exterior de Israel, Tzipi Livni, obteve hoje uma clara vitória nas eleições primárias do Partido Kadima e deverá ser a próxima presidente do grupo político e possivelmente a próxima primeira-ministra de Israel. As pesquisas foram publicadas alguns minutos após o final da votação no final da tarde de hoje. Para vencer, Tzipi precisa obter pelo menos 40% dos votos. As três pesquisas de boca-de-urna divulgadas pela televisão israelense indicam que ela obteve entre 47% e 49% dos votos. Seu principal rival, o ex-ministro da Defesa Shaul Mofaz, recebeu 37% dos votos, indicam as três pesquisas.Tzipi é a principal negociadora de Israel com os palestinos. Ela favorece a diplomacia para resolver os problemas políticos, embora tenha dito que não hesitará em usar a força se for necessário. Partidários de Tzipi comemoraram o resultado das pesquisas, quando as emissoras de televisão divulgaram os resultados.Analistas políticos, no entanto, consideram improvável que a eleição interna do Kadima ponha fim à turbulência política em Israel. Não está claro se o próximo líder do partido conseguirá reunir apoio suficiente para formar um novo governo e suceder o primeiro-ministro Ehud Olmert, abalado por escândalos, também na chefia de governo do país. Olmert já disse que renunciará ao cargo de primeiro-ministro após a eleição partidária. O novo líder terá 42 dias para formar um novo governo de coalizão. Caso fracasse, o país terá eleições gerais no início de 2009, um ano e meio antes do inicialmente previsto. Olmert permanecerá no cargo como interino, até que o novo governo seja aprovado pelo Parlamento.Qualquer dos dois favoritos fará história, caso se torne primeiro-ministro. Tzipi Livni seria a primeira mulher a ocupar o cargo desde Golda Meir, que governou o Estado de Israel entre 1969 e 1974. Já Mofaz, que nasceu no Irã, seria o primeiro judeu sefardita no posto. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.