Pesquisa diz que Merkel perde em importante estado

A coalizão da chanceler alemã, Angela Merkel, perdeu as eleições deste domingo na Renânia do Norte-Westfália, o estado mais populoso da Alemanha, segundo pesquisas de boca de urna. Com a derrota, a aliança de Merkel perde também o controle do Bundesrat, como é conhecida a câmara alta do Parlamento. A eleição, a primeira desde que Merkel deu início a seu segundo mandato em outubro, ocorre em meio às dificuldades da Europa para superar os efeitos da grave crise fiscal da Grécia.

AE-AP, Agência Estado

09 Maio 2010 | 19h16

A pesquisa da rede de televisão pública ARD indica que o partido de Merkel, a União Democrática Cristã (CDU), obteve 34,5% dos votos, enquanto os Democratas Livres (FDP) conseguiram 6,5%, deixando a coalizão bem aquém do mínimo necessário para garantir a maioria. O Partido Social-Democrata (SPD), o maior da oposição, também obteve 34,5% dos votos, enquanto os Verdes conquistaram 6,5% e o Partido de Esquerda, 6%.

Merkel tem sido alvo de duras críticas desde a aprovação, na sexta-feira, de um polêmico pacote de três anos, no valor de 22,4 bilhões de euros (US$ 28,5 bilhões), para ajudar a Grécia a superar a crise.

Sem a maioria no Bundesrat, Merkel deverá enfrentar mais dificuldades para governar a maior economia da Europa. Agora, ela terá de negociar com a oposição, o que diminui as chances de cortes de impostos para estimular a economia, e de uma ampla reforma no sistema de saúde do país. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Alemanha eleições pesquisa

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.