Pesquisas divergem na Venezuela

Duas pesquisas de opinião divulgadas ontem na Venezuela indicam resultados bastante distintos sobre a preferência do eleitorado para as eleições presidenciais de 7 de outubro.

CARACAS, O Estado de S.Paulo

27 de setembro de 2012 | 03h02

De acordo com o instituto Consultores 21, o candidato da Mesa da Unidade Democrática, Henrique Capriles, tem 48,9% das intenções de voto. O presidente Hugo Chávez conta com 45%.

Para o instituto Hinterlaces, o líder bolivariano é favorito, com 50% da preferência do eleitorado. Capriles tem 34%.

Enquanto o Consultores 21 é identificado com a oposição venezuelana, o Hinterlaces é tido como simpático ao governo.

Recém-recuperado de um câncer pélvico, Chávez anunciou ontem que pretende intensificar os eventos de campanha na reta final da eleição. O presidente pretende visitar oito Estados em dez dias.

Capriles fez campanha em Yaracuy e pediu aos trabalhadores do setor público que não tenham medo de votar nele e sofrer represálias por parte do governo. "O que resta ao candidato do governo é ameaçar e amedrontar", disse. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.