Pesquisas mostram aumento de popularidade de Shinzo Abe

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, recuperou nas últimas pesquisas parte da confiança dos japoneses, que acreditam que sua honradez e frescor compensam a falta de liderança, segundo publicaram nesta segunda-feira dois jornais nacionais. O apoio à gestão do primeiro-ministro japonês cresceu pela primeira vez desde janeiro, embora sem alcançar os altos índices colhidos após sua nomeação, em setembro de 2006.Segundo o jornal "Nikkei", a confiança dos japoneses em seu primeiro-ministro subiu 10 pontos em abril, para 53%.Além disso, 44% dos japoneses que deram o sinal verde para Abe citaram sua honradez como o principal motivo de seu apoio, segundo o "Nikkei".A consulta realizada pelo jornal "Mainichi Shimbun", de tendência conservadora, possui resultados parecidos, com um aumento de 8 pontos, para 43%, das avaliações positivas para o primeiro-ministro.A principal razão para isto foi o frescor de Abe (46% dos casos), assim como as altas expectativas em sua gestão política (21%). Apesar do apoio, os críticos de Abe coincidiram em assinalar a falta de liderança como seu principal defeito, em 49% dos casos no "Nikkei" e 41% no "Mainichi Shimbun". Em 26 de setembro, quando foi eleito primeiro-ministro, Abe tinha um apoio popular de 67%, segundo uma enquete do "Mainichi Shimbun".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.