Pesquisas mostram Bush um pouco acima de Kerry

O presidente George W. Bush voltou a defender a invasão do Iraque e o Patriot Act, lei que dá maiores poderes às autoridades no combate ao terrorismo, enquanto os responsáveis por sua campanha à reeleição saúdam a ?tremenda resistência? do presidente, que em duas pesquisas divulgadas nesta semana aparece alguns pontos acima do candidato democrata John Kerry.A despeito das críticas sofridas pelo presidente na comissão que investiga os atentados de 11 de setembro de 2001 e do aumento da violência no Iraque, Bush aparece à frente de Kerry por pequena margem, depois de meses atrás nas sondagens.A campanha eleitoral de Bush gastou US$ 50 milhões em março, um recorde em termos de campanha eleitoral para a presidência.Bush passou um segundo dia em defesa do Patriot Act, lei que vem sendo amplamente criticada por expandir os poderes do governo para realizar prisões e violar a privacidade de suspeitos. As pesquisas CNN-USA Today-Gallup e ABC-Washington Post mostram Bush ganhando uma pequena vantagem. Na ABC-Post, as intenções de voto ficaram em 48%-46% para Bush e Kerry, respectivamente, e 6% para o independente Ralph Nader, entre eleitores registrados. Na CNN-USA Today-Gallup, o placar entre Bush e Kerry era de 50%-44%, com Nader a 4%, entre eleitores prováveis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.