Sam Mircovich/Reuters
Sam Mircovich/Reuters

Pesquisas nacionais apontam empate técnico entre Romney e Obama nos EUA

Números divulgados em diferentes levantamentos mostram republicano e democrata com um ponto percentual de diferença

Denise Chrispim Marin, correspondente em Washington,

28 de outubro de 2012 | 20h55

WASHINGTON - Os resultados de duas recentes pesquisas nacionais nos Estados Unidos se contradizem quanto ao favorito entre os eleitores para ocupar a Casa Branca entre 2013 e 2017. Mas seus números enfatizam que, a apenas oito dias das eleições presidenciais, o democrata Barack Obama e o republicano Mitt Romney continuam em empate técnico.

 

Veja também:

linkAlta de 2% do PIB dominou agenda eleitoral nos Estados Unidos

link'Powell apoia Obama devido à cor da pele', diz republicano

linkObama vota antecipado e celebra apoio de Colin Powell

 

Consulta realizada pelo jornal Washington Post e a rede de TV ABCNews entre os dias 23 e 26 de outubro mostra Romney com 49% das intenções de voto, contra 48% de Obama. Porém, 36% dos eleitores do republicano justificam a escolha como "a única opção contrária" à reeleição do presidente. Pesquisa da Reuters e Ipsos, realizada entre os dias 22 e 26, aponta Obama na liderança, com 47%, contra 46% para Romney.

 

A média das dez mais recentes pesquisas calculada pelo Real Clear Politics (RCP) indica uma diferença de menos de um ponto percentual entre os candidatos. Romney teria 47,7%, enquanto Obama, 46,8%. Consultas estaduais divulgadas nos últimos dias de campanha, entretanto, devem dar uma noção mais clara sobre as chances dos candidatos.

 

Estados

 

Nos EUA, o resultado da eleição direta não é suficiente para a escolha do presidente. Cada Estado tem um número diferente de delegados no Colégio Eleitoral, a instância final e indireta do processo. Ganha quem obtiver 270 votos no Colégio Eleitoral. Com as pesquisas mais recentes já computadas, o RCP conclui que Obama tem 201 delegados, contra 191 do republicano. O desafio será vencer no maior número possível de Estados indecisos, atualmente responsáveis por 146 delegados.

 

Nos dois principais Estados indecisos, Ohio e Flórida, os eleitores têm diferentes favoritos. Mas, como nas pesquisas nacionais, ambos estão empatados. Em Ohio, que indica 18 delegados, Obama está na frente, com 48,2% das intenções de votos. Romney tem 46,3%. Na Flórida, com 29 delegados, o republicano lidera com 48,9%. O presidente tem 47,1%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.