PF resgata deputados bolivianos em Rondônia

Uma comitiva de autoridades bolivianas formada por sete deputados e um oficial da Força Aérea foi resgatada na manhã de ontem pela Polícia Federal em Guajará-Mirim, Rondônia. Os parlamentares, segundo informações da PF, tentavam embarcar nas cidades bolivianas de Riberalta e Guayaramerim quando foram impedidos por manifestantes. O resgate se deu em razão das manifestações políticas ocorridas na Bolívia. A comitiva, integrada pelos deputados Antonio Ramon Sanchez, Bernardo Montenegro, Arturo Murilo, Javier Zabaleta, Edgar Valariano, Ricardo Ayllon, Jose Pimentel e o capitão aviador Max Penozo, foi resgatada no porto da base do Exército Brasileiro e conduzida à Delegacia de Polícia Federal em Guajará-Mirim, onde aguardaram o pouso de uma aeronave da Força Aérea Boliviana no aeroporto da cidade. Eles embarcaram para La Paz depois.No final de agosto, a PF já havia realizado o resgate do presidente da Bolívia, Evo Morales, quando manifestantes de seu país invadiram e controlaram três aeroportos do departamento de Beni. Morales viajava pela região tentando acordo de governabilidade. Na ocasião, o presidente havia fugido de barco de Guayaramerin, na Bolívia, quando pediu apoio a Polícia Federal em Guajará-Mirim.

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

12 de setembro de 2008 | 09h02

Tudo o que sabemos sobre:
BolíviacrisePF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.