Piedad nega elo com as Farc e diz que vai à OEA

COLÔMBIA

, O Estado de S.Paulo

29 de setembro de 2010 | 00h00

A senadora Piedad Córdoba (foto) negou ontem que mantenha ligação com as Farc e prometeu reivindicar seus direitos políticos na Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA. Na segunda-feira, a Justiça colombiana tornou Piedad inelegível por 18 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.