Piloto de Rafale diz ter sido atingido em voo

A queda de dois caças Rafale na quinta-feira teria sido causada por choque durante exercício no Mar Mediterrâneo. Segundo a Marinha francesa, o piloto sobrevivente informou ter sido atingido na parte de trás do avião antes de cair. Segundo o Ministério da Defesa francês, o outro aparelho seguiu voando, até sumir dos radares. Seu piloto continua desaparecido. Os caças acidentados são similares aos modelos que o Brasil cogita comprar. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.