, O Estado de S.Paulo

14 de outubro de 2010 | 00h00

Num dos momentos mais tensos antes do resgate, o presidente chileno, Sebastián Piñera, mencionou em discurso o nome " Florencio Ceballos" como sendo um dos mineiros. A gafe fez com que jornalistas saíssem à procura do "34º sobrevivente". Pela internet, o único Ceballos encontrado foi um chileno que vive em Ottawa, no Canadá. Ceballos disse que o engano fez com que ele "ganhasse" 200 seguidores no twitter em apenas dois minutos. "Nem quero imaginar o assédio que esses mineiros estão sofrendo", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.