Piñera lidera eleição no Chile com 45%, indica parcial

Com 12,6% dos votos contados nas eleições presidenciais chilenas, o candidato conservador da oposição, Sebastián Piñera, lidera a corrida com 45%, enquanto o candidato do governo, o ex-presidente Eduardo Frei, tem 32% dos votos, informou na noite deste domingo o subsecretário do Ministério do Interior, Patricio Rosende.

AE, Agencia Estado

13 de dezembro de 2009 | 20h37

Se nenhum candidato obtiver 50% dos votos, Piñera e Frei deverão se enfrentar em segundo turno no dia 17 de janeiro de 2010. As pesquisas indicam que Piñera deverá vencer o segundo turno. Uma vitória de Piñera colocará um final a 20 anos ininterruptos de governo da coalizão de centro-esquerda Concertación, que passou a governar o Chile após a ditadura de Augusto Pinochet (1973-1990).

O candidato independente Marco Enríquez-Ominami obteve 18% dos votos contados até agora. Jorge Arrate, que representa os partidos comunista e humanista, conquistou 5%, disse Rosende.As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EleiçõesChile

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.