Piora situação em província chinesa atingida por enchentes

Autoridades retiraram cerca de 68.000 residentes do entorno de um lago na província de Anhui, no leste da China, enquanto se preparavam para o desvio do leito do Rio Huai - trabalho que deverá causar inundações em cidades. Mais de 600.000 pessoas já tiveram que abandonar suas casas nos últimos dias devido às inundações, provocadas pelas fortes chuvas de monção. Segundo autoridades locais, nove pessoas morreram afogadas apenas nesta semana e outras 900.000 estão isoladas pelas águas. "A situação está piorando", disse Wang Qiang, um funcionário do Ministério de Situações Emergenciais. Também hoje, a agência de notícias oficial Xinhua informou que 16 pessoas foram mortas e 162 ficaram feridas na passagem de um tornado pelo condado de Wuwei, na mesma província.

Agencia Estado,

09 Julho 2003 | 18h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.