Planta nuclear mais antiga da França será fechada

Planta nuclear de Fessenheim, a mais antiga da França, será fechada até dezembro de 2016, informou o ministro de Energia e Meio Ambiente do país, Philippe Martin. "Eu tenho um mandato. Fecharei Fessenheim até 31 de dezembro de 2016", disse ele ao jornal Le Journal Du Dimanche.

AE, Agência Estado

21 de julho de 2013 | 14h05

Apenas os proprietários das plantas ou autoridade nuclear regulatória podem fechar reatores atualmente. O governo francês planeja passar uma lei que dará esse poder aos políticos, disse o ministro. "É hora de os políticos tomaram de volta o controle das decisões de estratégia de energia", disse Martin. A planta começou a ser construída em 1970 e começou a funcionar oito anos depois.

O presidente socialista da França, François Hollande, prometeu que a planta que fica na fronteira com a Alemanha seria fechada até o final de seu mandato de cinco anos. Cerca de 75% da eletricidade da França é gerada por plantas nucleares. As informações são da Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Françaplanta nuclear

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.