Pneumonia asiática mata mais 24 pessoas na Ásia

A China divulgou a morte de mais 12 pessoas por causa da Síndrome Respiratória Aguda Severa (Sars), a pneumonia asiática, e 75 novos casos, subindo para 252 o número de vítimas e 5.013 os infectados. O Ministério da Saúde informou que nove das mortes aconteceram em Pequim, local mais atingido pela Sars, com 48 mortes.Hong Kong, país com o segundo maior número de mortos, teve mais três vítimas e cinco novos casos. Agora são 1.683 infectados e 218 mortos. Taiwan somou nesta segunda-feira outras nove mortes e 23 novos casos. O número de vítimas subiu para 27 e o de infectados para 207.Na Finlândia, o primeiro caso foi reportado no domingo. Segundo o governo, o infectado é um homem que passou férias em Toronto (Canadá), em abril, época que o país esteve sob vigilância da Organização Mundial de Saúde. O turista finlandês já foi internado e, ao que parece, não infectou outras pessoas e está se recuperando bem.Veja o índice de notícias sobre a pneumonia atípica

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.