Polícia britânica prende 40 em ato contra armas nucleares

A polícia britânica prendeu pelo menos 40 pessoas que protestavam em frente a uma base naval onde está ancorada a frota de submarinos nucleares Trident, pertencente à Grã-Bretanha. Antes do amanhecer, a polícia deteve nove pessoas por burlar a segurança da Base Naval de Clyde, situada no oeste da Escócia. Na parte da tarde, mais de 30 pessoas foram detidas por sentar no chão para bloquear a entrada principal da base. Entre os detidos, estão quatro membros esquerdistas do Parlamento escocês. No primeiro grupo de detidos há seis pessoas acusadas de atravessar uma cerca por volta das 6h da manhã, e três presas durante a madrugada quando nadavam perto de uma barragem de segurança, no perímetro da base.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.