Polícia chilena investiga pista de Madeleine no país

Cinco detetives fazem apurações na região de Vicuña, depois que um homem - cuja identidade não foi revelada - disse ter visto uma menina parecida com Madeleine no museu de Gabriela Mistral

EFE

26 de janeiro de 2008 | 03h11

A Polícia chilena afirmou nesta sexta-feira que procura no país a menina britânica Madeleine McCann, que desapareceu em Portugal há oito meses, após receber uma denúncia de que ela teria sido vista na cidade de Vicuña (norte).A informação foi confirmada à "Rádio Cooperativa" pelo subprefeito Segundo Leyton, chefe nacional da Brigada de Localização de Pessoas (Briup) da Polícia de Investigações.Ele disse que uma equipe de cinco detetives está fazendo apurações na região de Vicuña, depois que um homem - cuja identidade não foi revelada - disse ter visto uma menina parecida com Madeleine no museu de Gabriela Mistral, que fica na localidade, situada a 530 quilômetros de Santiago.A criança estaria acompanhada de dois adultos estrangeiros, uma mulher e um homem, disse a fonte à Polícia. Segundo o policial, a testemunha chamou a atenção para a presença do sujeito que acompanhava a menina, que "era muito similar à pessoa que aparece na imprensa", em referência a um suspeito cujo retrato falado foi publicado por veículos de comunicação de diversos países.Madeleine, de quatro anos, filha dos médicos ingleses Gerry e Kate McCann, foi intensamente procurada após desaparecer na localidade de Praia Da Luz, em Portugal, no dia 3 de maio.

Tudo o que sabemos sobre:
Madelleine

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.