Polícia colombiana desativa seis casas-bomba

Pelo menos seis casas repletas de explosivos foram desativadas por unidades militares em Cundinamarca, no centro da Colômbia, informou neste sábado o general Luis Alberto Ardila, comandante da 13.ª Brigada do Exército colombiano. "Fundamentalmente, busca-se a destruição de nossos homens em prejuízo da população civil", disse Ardila ao telejornal Caracol. Ele explicou que em cada casa, havia cerca de 100kg de explosivos que deveriam ser ativados quando os soldados chegassem para operações de registro e controle. As casas estavam perfeitamente camufladas em uma região montanhosa do centro do país, onde é grande a presença das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.