Polícia confirma 49 mortos em queda de avião nos EUA

A polícia do Estado de Nova York confirmou que não houve sobreviventes entre os 48 ocupantes - 44 passageiros e 4 tripulantes - do avião que fazia o voo 3407 da Continental Airlines entre Newark e Buffalo, e que caiu sobre uma casa pouco antes de pousar no aeroporto de Buffalo. Houve também uma vítima fatal no solo, totalizando 49 mortos. O acidente ocorreu às 22h20 de quinta-feira, hora local (1h20 de sexta-feira, no horário de Brasília) no distrito de Clarence Center."Uma estrutura foi seriamente destruída e o avião ainda está queimando - moderadamente e sob controle", disse David Bissonette, coordenador dos serviços de emergência de Clarence Center. "Tivemos várias vítimas fatais", informou. "O local está cercado pela polícia estadual e uma investigação de longo prazo é iminente."Emissoras de TV e sites dos EUA mostraram imagens da fuselagem em chamas no centro de uma área residencial. Uma testemunha disse à CNN que chegou a ver a aeronave mergulhar de bico. A tripulação teria relatado problemas mecânicos quando o avião se aproximava do aeroporto.Num comunicado, a Continental Airlines disse que o avião, um Bombardier modelo Dash 8 Q400, fazia o voo 3407, entre Newark e Buffalo, e era operado pela Colgan Air. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.