Polícia desativa carro-bomba em Bagdá

A polícia iraquiana localizou e desativou um carro-bomba estacionado diante de um movimentado clube noturno em Bagdá e conseguiu desativar o conteúdo antes da explosão, informou hoje a estatal Agência de Notícias Iraquiana. No interior do carro havia 11 quilos de explosivos e o tanque do veículo estava cheio de gasolina, informou a agência, que responsabilizou "agentes inimigos" não-identificados pela tentativa atentado. O Iraque já acusou o Irã por atos similares no passado, incluindo uma explosão em 4 de setembro que deixou várias pessoas feridas no maior mercado de Bagdá. O Irã e o Iraque, que dividem uma fronteira de 1.300 km de extensão, abrigam em seus territórios rebeldes em luta com o governo vizinho. Entre 1980 e 1988, os dois países travaram uma guerra que matou mais de 1 milhão de pessoas. Após um cessar-fogo mediado pela ONU, Teerã e Bagdá não assinaram até hoje um tratado de paz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.