Polícia desmantela suposta célula terrorista

A promotoria da França afirmou ontem que uma célula de terroristas muçulmanos planejava realizar o maior atentado no país desde a onda de ataques executada pelo argelino Grupo Islâmico Armado, entre 1995 e 1996. No fim de semana, a polícia francesa prendeu 12 pessoas em operações antiterror - em uma delas, um suspeito foi morto. Cinco dos detidos foram libertados e os outros sete permaneciam sob custódia ontem. Material para a construção de bombas foi encontrado durante as batidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.