Polícia do Iêmen prende líder da Al-Qaeda

A polícia do Iêmen deteve um líder do grupo fundamentalista islâmico Al-Qaeda que figurava na lista dos homens mais procurados do país, segundo comunicado do governo.

AE, Agência Estado

01 de dezembro de 2012 | 11h34

Suleiman Hassan Mohammed Murshed Awad foi preso em Zinjibar, capital da província de Abyan, no sul iemenita, informou o Ministério do Interior na noite de sexta-feira, sem especificar quando ocorreu a detenção. A região costumava ser um refúgio de membros da Al-Qaeda.

Awad, também conhecido como Abu Osama al-Abi, é "um dos criminosos mais perigosos da Al-Qaeda, envolvido na morte de homens das forças de segurança e com participação em ataques terroristas contra alvos estrangeiros em Sana", capital do Iêmen, de acordo com o comunicado.

Washington, que considera o braço iemenita da Al-Qaeda a divisão mais perigosa do grupo, recentemente deu auxílio militar e tático ao Exército local. A ofensiva expulsou os militantes da Al-Qaeda das cidades do sul, incluindo Zinjibar. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IêmenprisãoAl-Qaeda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.