Polícia fecha jornal no Zimbábue e prende 18 jornalistas

A polícia fechou o único jornal independente do Zimbábue e prendeu 18 jornalistas neste sábado, um dia depois de a Justiça do país derrubar uma decisão do governo e autorizar a publicação do diário, The Daily News. O jornal publicou uma edição de apenas oito páginas neste sábado, com um editorial dizendo que as leis com restrições à mídia estavam ?no ponto para cair?. O jornal faz críticas freqüentes ao governo de 23 anos do presidente Robert Mugabe.Gugulethu Moyo, consultor legal do jornal, disse que a batida policial mostra o autoritarismo crescente do governo. ?Usaram força bruta para nos fechar à força, já que não conseguiram, na Justiça?, disse. O governo não comentou o incidente, mas uma rádio estatal acusou o jornal de funcionar ilegalmente.A polícia soltou os 18 jornalistas detidos depois que os advogados do jornal convenceram as autoridades de que os presos eram da equipe responsável pela edição de domingo, e não tinham responsabilidade sobre o jornal de sábado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.