EFE/EPA/RAJAT GUPTA
EFE/EPA/RAJAT GUPTA

Polícia indiana encontra 11 corpos em casa em Nova Délhi

Fontes policiais anônimas citadas pela "ANI" apontam que todas as vítimas pertenciam à mesma família

O Estado de S.Paulo

01 Julho 2018 | 10h34

NOVA DÉLHI - A polícia indiana abriu uma investigação neste domingo após encontrar 11 corpos sem vida, todos da mesma família, que estavam com os olhos vendados e pendurados em uma viga em uma casa no norte de Nova Délhi.

"Foram encontrados os corpos de sete mulheres e quatro homens, entre os quais havia quatro adolescentes", afirmou um delegado da Polícia de Nova Délhi, Rajesh Khurana, em declarações à imprensa reproduzidas pela agência local "ANI".

Segundo o delegado, a polícia investiga o fato de "todos os ângulos possíveis" e não descarta nenhuma hipótese. O incidente ocorreu no bairro de Burari, situado no norte da capital indiana.

Fontes policiais anônimas citadas pela "ANI" apontam que todas as vítimas pertenciam à mesma família e que dez dos corpos foram achados com os olhos vendados e pendurados em uma viga na casa, enquanto o 11º corpo estava no chão.

O chefe de governo da cidade de Delhi, Arvind Kejriwal, visitou o local onde foram encontrados os corpos e confirmou o início das investigações.

"Falei com os vizinhos. Eles me disseram que a família não tinha inimizades e que não são capazes de compreender o que ocorreu. Uma investigação policial está em andamento e, por enquanto, é difícil saber o que aconteceu", afirmou, segundo o jornal "Times of India".

De acordo com a publicação, nenhuma carta de suicídio foi encontrada na casa, e a polícia está cogita a possibilidade de homicídio. /EFE

Mais conteúdo sobre:
Índia [Ásia] homicídio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.