Polícia iraquiana mata 20 insurgentes em Mossul

A polícia iraquiana afirmou neste sábado que 20supostos insurgentes morreram nos confrontos de sexta-feira em Mossul, no norte do Iraque, segundo a imprensa local. As forças de segurança iraquianas informaram na sexta-feira a morte deseis policiais, três deles em choques com grupos armados na cidade e outros três, inclusive um coronel, na explosão de um carro-bomba. No entanto, havia informações sobre vítimas entre os grupos armados que enfrentaram as forças de segurança em diferentes bairros do oeste de Mossul, que levaram as autoridades a impor o toque de recolher na cidade. O general Wazeq Abdel Kader, diretor da polícia de Mossul, citado por emissoras de TV, disse que outros cinco supostos rebeldes foram detidos na sexta-feira e garantiu que "a situação agora estásob controle". Kader também informou que policiais e soldados iraquianos e dos Estados Unidos começaram nesta manhã (horário local) uma operação "pente-fino" nos bairros da zona oeste de Mossul, em busca de insurgentes e esconderijos de armas. Mossul, cerca de 400 quilômetros a norte de Bagdá, é considerada a terceira cidade em importância do Iraque, depois de Bagdá e Basra. A localidade vem sendo cenário de freqüentes ataques às forças desegurança iraquianas e às tropas americanas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.