Polícia italiana desativa mais um livro-bomba

A polícia italiana desativou hoje no aeroporto de Milão mais um livro-bomba, dirigido à companhia espanhola Iberia. A carta-bomba, que continha 100 gramas de explosivo, estava escondida num envelope amarelo dentro do livro. Era igual ao livro-bomba mandado na sexta-feira a uma loja da Iberia em Roma. Essa foi a terceira tentativa de atentado contra alvos espanhóis. O primeiro livro-bomba foi enviado na quinta-feira à sucursal do El País em Barcelona.

Agencia Estado,

14 Dezembro 2002 | 17h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.