Polícia italiana prende chefe da máfia em Nápoles

Luigi Esposito, foragido desde 2003, estava na lista dos 30 criminosos mais procurados do país.

BBC Brasil, BBC

07 de novembro de 2009 | 19h42

A polícia italiana anunciou neste sábado a prisão de um dos principais chefes do crime organizado no país, Luigi Esposito, em Nápoles.

Segundo a polícia, Esposito é um dos chefes da Nuvoletta Camorra, braço da máfia napolitana, e é um dos 30 criminosos mais procurados da Itália.

Ele estava foragido desde 2003. Há três anos, Esposito foi condenado a nove anos de prisão por tráfico de drogas e associação com a máfia.

De acordo com a polícia, Esposito é o último de uma série de chefes do crime organizado presos recentemente no sul da Itália.

Na semana passada, três irmãos membros do mesmo braço da mária - Pasquale, Carmine e Salvatore Russo - foram presos nos arredores de Nápoles.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
itáliamáfiacamorraesposito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.