Polícia italiana prende chefe da máfia em Nápoles

Luigi Esposito, foragido desde 2003, estava na lista dos 30 criminosos mais procurados do país.

BBC Brasil, BBC

07 Novembro 2009 | 19h42

A polícia italiana anunciou neste sábado a prisão de um dos principais chefes do crime organizado no país, Luigi Esposito, em Nápoles.

Segundo a polícia, Esposito é um dos chefes da Nuvoletta Camorra, braço da máfia napolitana, e é um dos 30 criminosos mais procurados da Itália.

Ele estava foragido desde 2003. Há três anos, Esposito foi condenado a nove anos de prisão por tráfico de drogas e associação com a máfia.

De acordo com a polícia, Esposito é o último de uma série de chefes do crime organizado presos recentemente no sul da Itália.

Na semana passada, três irmãos membros do mesmo braço da mária - Pasquale, Carmine e Salvatore Russo - foram presos nos arredores de Nápoles. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Mais conteúdo sobre:
itália máfia camorra esposito

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.