Polícia mata 14 rebeldes maoistas na Índia

BHUBANESWAR, Índia - Forças de segurança mataram pelo menos 14 rebeldes maoistas neste sábado durante confronto no estado de Orissa, no leste da Índia, marcando o último derramamento de sangue de um longo conflito no qual rebeldes têm lutado para derrubar o governo. O diretor geral da polícia de Orissa, Prakash Mishra, disse que uma mulher estava entre os rebeldes. Não havia registros de policiais entre os mortos.

Agência Estado

14 Setembro 2013 | 11h28

O primeiro ministro Manmohan Singh descreveu os maoistas como a mais séria ameaça de segurança interna no país. Os rebeldes têm lutado por décadas nas florestas e áreas rurais pelo que dizem ser os direitos dos sem-terra bem como dos povos tribais, que estão entre aqueles com taxas mais altas de analfabetismo e pobreza. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
ÍNDIAMORTOSCONFRONTO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.