Polícia mata a tiros homem que fez ameaças com uma faca na França

Fontes da Polícia descartaram desde o começo que se tratasse de um ato terrorista

O Estado de S.Paulo

20 Agosto 2017 | 07h36

PARIS - Um homem, com problemas psiquiátricos e antecedentes penais, foi morto no sábado, 19, a tiros pela Polícia depois que se mostrou agressivo e fez ameaças com uma faca na localidade de Châlette sur Loing, perto de Montargis, a uma centena de quilômetros ao sul de Paris.

Fontes da Polícia, citadas, neste domingo, 20, pela imprensa local, descartaram desde o começo que se tratasse de um ato terrorista.

A emissora 'France Bleu Orléans' informou que foi uma moradora que avisou os agentes da presença do homem, que tinha antecedentes por homicídio.

Quando as forças da ordem chegaram ao local do fato, o encontraram no interior do seu veículo e lhe pediram que saísse, mas ele se negou e bateu várias vezes contra o carro dos policiais.

Brandindo uma faca, começou a gritar que os mataria e poria bombas por toda a cidade.

Quando ameaçou fugir, os agentes atiraram contra o carro e atingiram seu ocupante.

A Promotoria encarregou uma investigação sobre os fatos à Inspeção Geral da Polícia Nacional. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.