Polícia mexicana entra no avião sequestrado

A polícia mexicana entrou, há pouco, no Boeing 737 da Aeromexico que pousou hoje à tarde no aeroporto da Cidade do México depois de ter sido sequestrado durante o voo. Todos os passageiros do voo 576 da Aeromexico desceram da aeronave pouco antes, informou a emissora mexicana TV Azteca. Quando os policiais entraram, aparentemente estavam a bordo somente os tripulantes e um sequestrador. De acordo com informações preliminares, havia 104 pessoas a bordo da aeronave no momento do sequestro, mas não se sabe ainda quantos eram passageiros e quantos eram tripulantes.

Agencia Estado

09 de setembro de 2009 | 17h09

Também não se sabe quem sequestrou a aeronave. A emissora mexicana Televisa informou inicialmente que três pessoas sequestraram o avião e exigiam falar com o presidente Felipe Calderón. Mais tarde, porém, a passageira Adriana Romero disse à Televisa que, aparentemente, havia somente um sequestrador. Ainda segundo ela, os passageiros só ficaram sabendo que a aeronave havia sido sequestrada quando já estava na pista do aeroporto.

Tudo o que sabemos sobre:
aviãosequestroMéxico

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.