Polícia mexicana intercepta 160 imigrantes ilegais em caminhão

A Polícia do México interceptou em Veracruz, no Caribe mexicano, 160 imigrantes ilegais escondidos em um caminhão, e deteve duas pessoas, informou nesta sexta-feira, 25, a Secretaria de Segurança Pública do país.Agentes da Polícia Federal Preventiva (PFP) ordenaram a parada do veículo, que transportava caixas vazias para produtos avícolas.Os agentes decidiram inspecionar o caminhão porque o motorista não possuía documentação regulamentar. Durante a revista, foi encontrado um compartimento oculto onde estavam os imigrantes ilegais, entre eles 33 mulheres e 20 menores.No esconderijo, que era pouco ventilado, foram encontrados amontoados 84 guatemaltecos, 24 hondurenhos e 52 salvadorenhos.Os centro-americanos disseram que tinham pago US$ 1 mil para serem transportados aos Estados Unidos, e que entregaram o dinheiro a um suposto traficante de pessoas, ou "galinheiro", em Chiapas, estado do sul do México que faz fronteira com a Guatemala.O motorista do veículo e seu auxiliar foram colocados à disposição policial, e os imigrantes transferidos ao Instituto Nacional de Migração (INM), de onde serão repatriados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.