Polícia monta equipe para combater terrorismo na Colômbia

Cerca de 120 policiais especializados nocombate ao terrorismo urbano começaram a operar em Bogotá, emmeio ao recrudescimento do conflito armado em algumas cidades dopaís. Os agentes foram treinados para realizar assaltos aresidências, libertar pessoas seqüestradas, desativar explosivos proteger personalidades e controlar distúrbios em áreasdensamente povoadas. "A exemplo deste grupo, a Polícia Nacional está preparandoem diferentes cidades do país equipes de intervenção imediata",disse hoje o comandante da instituição, general Teodoro Campo,durante o ato de lançamento do corpo de elite. O grupo contará com armas de vários calibres, que vão desdelança-granadas a rifles de precisão. No futuro, 215 agentesestarão operando ma capital, onde vivem cerca de sete milhões depessoas. No início desta semana, Medellín, a segunda maior cidade daColômbia, foi palco de um dos combates urbanos mais intensos emcerca de 40 anos de conflito armado no país. Cerca de 3.000membros das forças de segurança tomaram por assalto um bairroperiférico para expulsar as milícias do local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.