Polícia prende 200 pessoas na Convenção Republicana

Cerca de 200 manifestantes foram presos pela polícia ontem à noite nas proximidades do Xcel Energy Center, onde se realizava a Convenção Republicana, em St. Paul, Minnesota (EUA). As prisões ocorreram após uma série de passeatas e bloqueios programados para coincidir com a aceitação de John McCain da indicação do Partido Republicano para a presidência. Vários jornalistas também foram detidos.Em protesto contra a guerra no Iraque, os manifestantes sentaram-se numa importante rua da área, bloqueando a passagem. Os policiais usaram bombas de fumaça e granadas de efeito moral para dispersar o grupo.A manifestação havia começado às 16h (hora local), com uma passeata no Capitólio estadual. Uma hora depois, quando os manifestantes tentaram se dirigir para o Xcel Energy Center, foram impedidos por barreiras policiais. Os manifestantes tentaram atravessar duas pontes que levavam à Convenção Republicana, mas bloqueados pela polícia. As informações são da Associated Press.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.