, O Estado de S.Paulo

17 de novembro de 2010 | 00h00

A polícia chinesa deteve ontem oito pessoas após um incêndio em um prédio na cidade de Xangai matar ao menos 53 pessoas e deixar dezenas de feridos. Eles foram presos por realizar soldas sem autorização no edifício de 28 andares que estava em reforma. No prédio, localizado em uma habitada zona comercial, moravam principalmente professores e funcionários públicos aposentados.A rapidez para encontrar um culpado reflete a pressa do governo em acalmar os moradores após as dificuldades em apagar o incêndio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.