Polícia reprime protesto palestino em Jerusalém

A polícia israelense dispersou ontem dezenas de manifestantes palestinos perto da mesquita de Al-Aqsa, no Monte do Templo, em Jerusalém, depois que eles apedrejaram policiais no local e na Cidade Antiga. Policiais entraram no local e usaram bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes. Testemunhas disseram que os agentes também usaram gás lacrimogêneo. Pouco depois, o governo da Jordânia criticou a polícia israelense, dizendo que ela "busca incitar a violência religiosa" na região.

O Estado de S.Paulo

06 de outubro de 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.