Polícia suíça descobre rede de pornografia infantil

A polícia da Suíça afirmou hoje ter descoberto uma rede internacional de pornografia infantil com mais de 2 mil participantes em 78 países. A descoberta se deu durante a investigação de um site na internet, a partir de uma indicação da Interpol, com provedor no cantão suíço de Vaud, segundo a porta-voz da polícia federal, Eva Zwahlen.

AE-AP, Agencia Estado

28 de junho de 2009 | 09h25

O site se dedicava ao hip hop, mas indivíduos não identificados usavam um fórum para ocultar filmes ilegais de pornografia infantil, afirmou a porta-voz. Zwahen confirmou ainda uma reportagem da imprensa suíça de que a investigação também mobiliza profissionais nos Estados Unidos, Polônia, Grécia e outros países. Na Suíça, 32 pessoas são suspeitas de envolvimento no caso, segundo a publicação semanal SonntagsZeitung.

Tudo o que sabemos sobre:
pornografia infantilpedofilia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.